Descubra quais são as causas mais comuns de infertilidade

O sonho de ser pai ou mãe acompanha diversos casais em todo o mundo, contudo, por vezes, o sonho pode se tornar instável quando há empecilhos. Por isso, o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, mestre e doutor em urologia, a título de informação, fala sobre as causas mais comuns para a infertilidade.

Estima-se que cerca de 10% a 15% dos casais possuem dificuldades para engravidar. As causas são distintas, porém, a incidência de impedimentos para engravidar, geralmente, baseia-se em distúrbios conhecidos, são eles: obstrução tubária, endometriose, pouca qualidade do semen e a síndrome do ovário policístico.

Os motivos para a infertilidade podem ser variados, assim como podem acometer homens e mulheres. O Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes ressalta que o ideal é que ambos façam exames para descobrir a gênese da patologia e iniciar o tratamento o mais rápido possível.

No caso da obstrução tubária, o próprio nome já diz, há a obstrução das tubas uterinas, local em que o espermatozóide fecunda o óvulo. Dessa maneira, com as tubas uterinas obstruídas, dificulta ou/e impede a fecundação, segundo o médico Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes.

Além disso, em se tratando da endometriose, trata-se de uma doença inflamaoioa, em que o tecido que reveste o útero, ao invés de ser expelido com a menstruação, vai em direção oposta à vulva e caem nos ovários ou/e na cavidade abdominal.

Ademais, o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes ressalta para uma das razões da infertilidade masculina: a baixa qualidade do semen. O médico enfatiza que há diversos motivos que ocasionam a baixa qualidade do semen, como a azoospermia, infecções genitais etc.

Por fim, o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes fala sobre a síndrome do ovário policístico, um problema que acomete mulheres que, geralmente, possuem alterações hormonais. O distúrbio se dá pela presença de cistos no ovário que, se tratados de maneira correta,podem não desencadear em problemas maiores, contudo, a depender da quantidade e número dos cistos, podem provocar a infertilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui