Variante do coronavírus detectada no Reino Unido está em 50 países, diz OMS

Em meio à preocupação com as novas variantes da Covid-19, a Organização Mundial da Saúde afirmou que a cepa do Reino Unido já se espalhou para 50 países. Já a variante similar identificada na África do Sul foi relatada em outros 20 países. Os dados de rastreamento de contato revelam uma maior transmissibilidade. “Quanto mais o vírus SARS-CoV-2 se espalha, mais chances ele tem de mudar. Se há altos níveis de transmissão, temos que pensar que mais variantes surgirão”, disse a entidade.

Embora as novas variantes não sinalizem causar doenças graves, o aumento observado no número de casos coloca os sistemas de saúde do mundo sob pressão.  A OMS acrescentou que está no radar uma terceira nova cepa do coronavírus detectada no Japão, que precisa de mais investigação. No dia 9 de janeiro, a agência foi informada sobre o caso detectado em quatro viajantes – dois adultos e duas crianças – vindos do Brasil. Esta variante tem 12 mutações na proteína spike que pode impactar a transmissibilidade e a resposta imune do hospedeiro.

*Com informações da repórter Lívia Fernanda