Príncipe William já testou positivo para Covid-19, diz imprensa britânica

O príncipe William, segundo na linha de sucessão à coroa britânica, foi infectado com Covid-19 no mês de abril, em datas semelhantes ao positivo de seu pai, o príncipe Charles. Foi o que informou, nesta segunda-feira (2), a BBC. O duque de Cambridge, de 38 anos, decidiu manter em segredo a sua doença para não alarmar o Reino Unido que naquele momento se encontrava em confinamento, revela o jornal The Sun. O Palácio de Kensington, residência oficial dos duques de Cambridge, se recusou a comentar esta informação.

Segundo o tabloide britânico, William não quis contar seu caso pois “havia coisas importantes e ele não queria preocupar ninguém”, por isso foi tratado pelos médicos do palácio e mantido em isolamento em sua residência de campo em Anmer Hall, no condado de Norfolk, sudeste da Inglaterra. Durante o mês de abril, o neto da rainha Elizabeth II cumpriu 14 compromissos oficiais por telefone ou videoconferência.

O príncipe Charles e herdeiro da coroa, de 71 anos, testou positivo para Covid-19 em março e passou sete dias isolado na Escócia. Sua esposa, a duquesa da Cornualha, deu negativo. Também em abril, o primeiro-ministro britânico Boris Johnson foi infectado com o coronavírus, necessitando ficar internado por alguns dias na UTI de um hospital de Londres. Os casos de Covid-19 estão aumentando rapidamente e no domingo (1º) 23.254 novas infecções foram registradas, enquanto outras 162 pessoas morreram. Desde o início da pandemia já são 46.717 vítimas.

*Com informações da EFE