Incêndio atinge Hospital Federal de Bonsucesso no Rio de Janeiro

Um incêndio de grandes proporções atingiu, na manhã desta terça-feira (27), um dos prédios do Hospital Federal de Bonsucesso, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Cerca de 200 pessoas foram tiradas do local após evacuação — sendo 25 em estado grave — e estão sendo transferidos para outras alas do próprio hospital. Alguns estão sendo levados a outras sete unidades de saúde da cidade e, caso haja necessidade, não está descartada a reabertura do Hospital de Campanha do Riocentro, que serviu para tratar pacientes com Covid-19 durante o momento mais crítico da pandemia, para receber os internados.

De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do Estado (CBMERJ), as chamas se iniciaram às 9h50 e, até às 12h, não havia informações de feridos. O fogo já foi controlado. Apesar disso, ainda havia, por volta das 12h, intensa quantidade de fumaça saindo de prédios e os bombeiros atuavam no trabalho de rescaldo. Doze ambulâncias da própria corporação estão de prontidão para o caso de haver a necessidade de uma transferência em massa. O incêndio começou no subsolo do Prédio 1 e se alastrou pelo almoxarifado. O mesmo edifício concentra ainda a enfermarias e salas de raio-X. Bombeiros de dez quartéis foram mobilizados, além do Grupamento Tático de Suprimento de Água para Incêndios (GTSAI).

Por dia, cerca de 2 mil pessoas passam pelo local. O Hospital de Bonsucesso é considerado o principal dos seis federais do Rio de Janeiro. A unidade fica em posição estratégica, na Avenida Brasil, o que facilita o atendimento a pacientes de outros municípios, como os da Baixada Fluminense. Referência em serviços de média e alta complexidade, o hospital faz cerca de 15 mil consultas ambulatoriais todo mês, além de 1 300 internações, 1.200 atendimentos de emergência, 120 mil exames laboratoriais e 5 mil exames de imagem.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga e Estadão Conteúdo